Skip to main content
padlock icon - secure page this page is secure

Open Access Preditores de prováveis transtornos mentais comuns (TMC) em prostitutas utilizando o Self-Reporting Questionnaire

Download Article:

The full text article is available externally.

The article you have requested is supplied via the DOAJ. View from original source.

Objetivo Avaliar a prevalência de prováveis transtornos mentais comuns (TMC) e os fatores associados em um grupo de prostitutas de Minas Gerais. Métodos Estudo transversal utilizando o Self-Reporting Questionnaire (SRQ-20) em mulheres cadastradas na Associação de Prostitutas de Minas Gerais (Aprosmig). Avaliaram-se características sociodemográficas e aspectos do trabalho na prostituição. Teste do qui-quadrado foi empregado na análise de associação entre variáveis categóricas sociodemográficas e a presença de prováveis TMC. A análise dos fatores associados à presença de prováveis TMC foi realizada por meio de modelo de regressão logística. Resultados Foram entrevistadas 216 prostitutas. A prevalência global de prováveis TMC foi de 57,9%, mais observada em mulheres com baixa escolaridade, história de violência física e ingresso precoce na prostituição. Conclusão Os resultados deste estudo mostraram que a prevalência de prováveis TMC entre prostitutas foi superior à observada na população geral, indicando a necessidade de melhorar os cuidados com a saúde dessas mulheres.
No References
No Citations
No Supplementary Data
No Article Media
No Metrics

Document Type: Research Article

Publication date: January 1, 2014

  • Access Key
  • Free content
  • Partial Free content
  • New content
  • Open access content
  • Partial Open access content
  • Subscribed content
  • Partial Subscribed content
  • Free trial content
Cookie Policy
X
Cookie Policy
Ingenta Connect website makes use of cookies so as to keep track of data that you have filled in. I am Happy with this Find out more